Pages

22 de fev de 2010


Quando nada fazia mais sentido, me perguntava o porquê das coisas serem daquele jeito? Será que eu teria que me transportar pra um universo paralelo? Aquele meu ponto fraco , como eu viveria assim? Resolvi mostrar que poderia ser forte, e que tais remetentes me socorreriam, encontrei o que eu esperava antes me disseram: Ninguém é bonzinho, mas seja monstro com quem é monstro contigo, ou se isole do mundo! Tomei um banho de vontade e fui viver o que queria, os tais obstáculos aparecerão, algumas pessoas não me reconhecerão, mas sou minha própria cobaia, não queria ver minha mente congelar, e bem calculista eu fui. O que será que vai acontecer? Já não sei, mas sei que me faz bem e me apaixonei pelo monstro que encontrei dentro de mim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário